preocupante…

Fica-se hoje a saber que:

«Quase 300 jovens ingressaram nos últimos três anos em centros educativos do distrito judicial de Lisboa, metade deles por ordem do Tribunal de Família e Menores de Lisboa.» [link]

Deste número, 125 deveu-se à aplicação de medida tutelar de internamento, o que implica que foram jovens, entre os 12 e 16 anos que foram condenados às medidas mais graves previstas na Lei Tutelar Educativa.

Mas, e desde há muito o defendo, mais do que os números dos jovens internados em Centro Educativo, seria interessante saber e conhecer, quantos desses, quando adultos, (não) entram no sistema penal.

Assim, seria possível, duma forma verdadeira e real, fazer uma avaliação da intervenção que é feita com estes jovens.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.